O BUM das “Startups”!

O BUM das “Startups”!

O BUM das “Startups”!

Vivemos num mundo onde a informação já não é um luxo, chega a qualquer um através de qualquer meio tecnológico.

Primeiramente o que são?

São geralmente empresas recém-criadas que possuem um histórico operacional limitado.

 

Devido a sua inovação, projetos promissores de investigação e alguma pesquisa, são empresas jovens, com tendência a chegarem mais longe.

Por serem maioritariamente a nível de software tornam se de um investimento inicial reduzido, no entanto o seu crescimento pode disparar se tiver sucesso. Como exemplo de empresas bem-sucedidas temos, a Google, o Facebook, o Yahoo, etc…

A guerra começa entre as grandes empresas, disputa-se quem adquire mais e melhores “Stratups”. Isto porque são um forte meio de divulgação, de comunicação com os utilizadores e a sua maior função é procurar facilitar e melhorar o dia-a-dia do utilizador. Está empresas têm de ter uma noção de necessidade por parte dos utilizadores, que sejam intuitivas e fáceis de manipular.

Recentemente a Google adquiriu a ”Slicklogin”, é uma empresa direcionada para o desenvolvimento de um sistema que disponibiliza a utilização de um som para efetuar login quer seja aplicação ou website. Esta desenvolve um sistema de reconhecimento inovador difícil de ser descoberto por terceiros, isto por um comando de voz.

Neste caso, o objetivo é tornar a internet mais segura, um dos grandes interesses públicos dos utilizadores.

Um dos casos neste momento mais badalado é da compra da Startup “ WhatsApp” por parte do Facebook pela modica quantia de US$ 16 bilhões, a maior.

Esta tal como o Facebook é uma aplicação de comunicação, remete ao envio e recepção de mensagens, vídeos e áudio, tal como um cartão sim, mas através da utilização de uma conexão de internet.

Todas estas empresas são dinâmicas, empreendedoras, destacam se pelas suas pesquisas e inovação, são jovens com ideias que por vezes acabam do ter um grande sucesso e crescem de forma rápida e eficaz nos nossos tempos.

Por serem inovadoras e levarem a um novo nível de estilo de vida empresas com a Google, Facebook, entre outras procuram adquiri-las de forma a rentabiliza-las ainda mais, ambas crescem em função de si mesmas.

by: Débora Trindade (estagiária)

Related Posts

PEDIR ORÇAMENTO

Enter your keyword